terça-feira, fevereiro 20, 2007

OPA

A corporação salazarenta sentada à mesa da PT rejeitou o novo preço oferecido pela Sonae. Veremos no final quem vai ganhar: o mercado ou o proteccionismo monopolista e salazarento.

5 Comments:

Blogger Pedro Sá said...

E o pequeno accionista obviamente pensa: vendo a quem der mais.

10:20 da manhã  
Blogger Diogo Vaz Pinto said...

Este comentário foi removido pelo autor.

10:50 da manhã  
Anonymous althalus said...

Já agora, DVP, quem é o autor deste blog? E tu, quem és? Um defensor do regime? a consciência moral da nação? Ou politica? Tu, que obviamente não vives mal, por que achas que tens estatuto suficiente para apresentar fotografia numa caixa de comentários-"Como vêem, sou importante, uma figura reconhecida e exemplar da sociedade"- , tu, como dizia, não podes apelidar de monstruoso quem sofre como eu a carga dos impostos que pagam este escalavrar do pais;tu não podes partir do principio que todos temos o teu conforto material, as tuas possibilidades, as quais são são dúvida muitas, pela importancia que te dás a ti mesmo... as pessoas deste sitio estão a ficar fartas de tanta incompetência... e de tanta cobertura e branqueamento da situação...
Abaixo os politicos de Portugal!!
Tudo Salazarentos!!

11:26 da tarde  
Blogger Diogo Vaz Pinto said...

Este comentário foi removido pelo autor.

8:10 da manhã  
Anonymous althalus said...

Tens um blog amigo, colaboras noutros (ou colaboravas, até seres corrido, sem dúvida devido ao teu salazarismo-...e talvez homofobia...), enfim, reunes todos os ingredientes de um tipo de gente que me provoca desconforto neuronial... aquele tipo de gente que julga ser seu mister a escrita "erudita", a cultura desbragada e á bruta, os que se sentem "obrigados", por um qualquer indecifrável(e, já agora, indescortinável) designio divino a verter em blog a sua individualidade(?) e originalidade(?!), qual grito saido de boca amordaçada e exangue... Mas tu acreditas mesmo no que dizes? ou melhor, escreves, porque ainda não tiveste a audacia de juntar á foto(retrato?) uma gravação com a tua voz, no que eu desde já lamento a ideia que estou a dar, pois pareces-me tipo para isso... quanto ao trabalhador, é verdade, gosto de me olhar como exemplo a seguir, não sou a favor de greves indiscriminadas (como no caso da Opel Azambuja), não sou a favor de ter feriados todo o santo mês(custa uma fortuna, um feriado), acredito que a produtividade deste pais TAMBEM se deve à mentalidade Chico-espertina do português, sempre mais empenhado em fazer ronha do que em ser eficaz e lucrativo...no entanto, a situação do pais é medonha, porque os nossos politicos são, além de descendentes dilectos do Estado Novo, de uma nova espécie, uma espécie "técnológica", mais capaz de manipular e uniformizar o pensamento das massas, mais capaz de exercer a predominancia dos seus interesses sem contudo deixar de exercer fascinio na opinião publica...sem duvida que o epiteto "técnologicos" assenta como uma luva a estes politicos, que dominam a seu bel-prazer todo o "utensiliário" mediático á sua disposição, esta espécie de prestidigitadores da demagogia, que ora defendem o sim, ora o não, outras vezes até o nim...Esta gentalha é corrupta, serve-se da politica em prol de si mesmo, não aponta (e será que lhes convém?) caminhos para um pais melhor, e tu, ainda perfilhas ideais de (?) direita? Do modo como é feita a direita em Portugal? Quantos governos houve de Direita em Portugal? e que resultados tiveram? Acaso julgas que foram melhores que este? Isto é Portugal, meu caro, com o povo miserável (em consciência politica),que temos...Eu acredito que um quadro politico que configure a iniciativa individual como mola impulsionadora de toda uma sociedade é viável, mas os antecedentes culturais e filosóficos do nosso povo não o permitem, como acontece noutros estados europeus(eu vivi e trabalhei 3 anos no Reino Unido e vi o que o liberalismo pode fazer; no entanto, a cultura desses povos e, acima de tudo, dos seus politicos é diferente, a responsabilidade que entendem ter na constrção do futuro é partilhada por toda uma sociedade, e o exemplo vem de cima, com os politicos a deixarem de lado tudo o que seja mesquinho interesse pessoal).
É por isso que o sitio está como está...
Se ao menos, como em Espanha na guerra civil, tivesse havido sangue na nossa revolução...


p.s. Sou oriundo de uma familia pobre, apenas consegui concluir o secundário, não sou, enfim, um intelectual... mas também não escrevo Blogues, como muitos que o fazem por presunção (e, porque não dizê-lo?, aspiração) intelectual, de modo que não vou deixar escapar por entre os dedos a oportunidade de desconchavar um "Wannabe Thinker" deste festival do burlesco que é a blogosfera: onde se lê, na tua resposta ao meu comentário, "...não te preocupes comigo porque DENOTA-SE logo que...", dever-se-ia ter escrito NOTA-SE, porque seria a sintaxe mais correcta a usar no caso de uma interpelação directa a alguem; estaria correcto se estivesses a comentar o meu comentário para terceiros, onde o DENOTA-SE funcionaria como alusão a algo ou alguém "que"
Ass: O pensador anómalo

2:20 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home