segunda-feira, novembro 28, 2005

Diz que diz

Marcelo acha que na história das mentiras entre Sócrates e Alegre todos têm razão. Pois é, senhor professor. É como na outra história, entre o professor Marcelo e Paes do Amaral. Quem falou verdade? Nesse caso, como se lembram, a vítima e o herói foi Marcelo, com audiências em Belém, sessões patéticas na Alta Autoridade e outras cenas mais. O vilão foi o patrão da Media Capital. Nesse como neste caso as conversas foram a dois. Naturalmente sem testemunhas. Se Alegre e Sócrates estão ambos a falar verdade, como diz o comentador, Marcelo e Paes do Amaral estariam igualmente a falar verdade? Ou o vilão da história do ano passado terá sido outro, numa encenação bem montada perante inábeis e mendecaptos adversários políticos?

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Não será claro, hoje, que o afastamento de Marcelo da TVI teve a ver com o grande negócio entre Paes do Amaral e a Prisa.Portanto ambos falaram verdade. Marcelo falou ser um obstáculo num suposto negócio e Paes do Amaral afirmou que não foi alvo de pressões do governo de então, certo? Porquê falar nisso agora? O seu blogue está na minha lista "a ler diáriamente", sou uma simples escriturária e confesso fiquei decepcinada com este seu comentário.

9:50 da manhã  
Anonymous Kani said...

Então era um obstáculo daquilo que não existia?
hehehehe.

11:56 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home