sábado, junho 17, 2006

Quarenta anos depois

É isso. Façam bem as contas. Quarenta anos depois Portugal chega aos oitavos-de-final de um Mundial. É evidente que nestes longos quarenta anos aconteceram imensas vitórias morais, azares do Diabo, conspirações dos mais fortes e outras coisas mais que deitaram por terra os enormes esforços dos 'competentes' técnicos nacionais nomeados por uns tantos senhores do futebol luso para os comandos da selecção. Há quarenta anos um técnico brasileiro - isso mesmo, brasileiro -, de seu nome Otto Glória, levou Portugal à meia-final. Agora, outro técnico brasileiro - isso mesmo, brasileiro -, de seu nome Scolari, não só levou Portugal aos oitavos-de-final como criou o Clube Portugal com milhões de adeptos em todo o Mundo. Um grande clube, com bandeiras nas casas, nos carros e em todo o lado. Os salazarentos da bola estão tristes. Amarelos. Doidos de raiva. Bebam uns copos e comam umas francesinhas. Ou uns francesinhos. Digo eu, que sou liberal.

7 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Excelente post. Como é habitual para copiar, guardar e divulgar.

Rui Carmo

11:06 da tarde  
Blogger ISA said...

subscrevo! e rio-me de gozo!

2:11 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Claro que é bonito, so os feios e os que mijam na cama é que não gostam, mesmo comendo francesinhas

10:52 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

"subscrevo! e rio-me de gozo!"

"Doidos de raiva. Bebam uns copos e comam umas francesinhas."

Hmm...Curioso o tom vingativo, eivado de ódio mesquinho, com que falam os defensores do tal Clube Portugal. A clubite é uma doença terrível.

MG

10:59 da manhã  
Anonymous «Liblog» said...

Pelo "tom" de certos comentários... a mensagem passou!
Fantástico post! Cumprimentos.

1:34 da tarde  
Blogger Pedro said...

"Equipa" : qual será a definição num qualquer dicionário conceituado ?

"grupo de pessoas que trabalham em conjunto para o mesmo fim;" (Porto Editora)

Seguramente terá a ver com um grupo unido num mesmo objectivo; Um grupo onde todos puxam para o mesmo lado ; Um grupo onde a opinião de cada um é ouvida.

Relembremos o que alguns comentadores desportivos diziam sobre os onze anos de jujem do Benfica em termos de Campeonatos.

Se bem se recordam estes Onze longos anos (para mim), segundos os comentadores, ficaram a dever-se a factos como ter sido desmanchada a EQUIPA que tinha conquistado o último campeonato; Nunca se ter formado uma EQUIPA forte; haver grande rotação de jogadores, o que não permitia a formação de uma EQUIPA.

Qual o ponto de convergência e nunca desmentido ?

Para o Benfica voltar a ser Campeão tem de formar uma EQUIPA, com jogadores de boa qualidade que joguem juntos à alguns anos, todos focados no mesmo objectivo, e que as (poucas, repito, poucas)contratações sejam igualmente de qualidade e se integrem rapidamente na EQUIPA.

Ora, isto é verdade para o Benfica, mas não para a selecção.

Na selecção os comentadores apregoam precisamente o contrário. Em cada jogo o seleccionador deve convocar os que estiverem em melhor forma, mesmo que nunca tenham jogado juntos. Se 11 rapazes estão a jogar muito bem nos seus respectivos clubes, venham eles para a Selecção, e ponham-nos a jogar no Campeonato do Mundo, mesmo que nunca se tenham visto à frente uns dos outros....

1:34 da tarde  
Anonymous egitano said...

Lamentável este patriotismo de empréstimo, muito ao gosto dos novos micro-fascismos.

11:07 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home