sábado, setembro 16, 2006

Tão ofendidos

O Papa decidiu fazer uma série de comentáriosa sobre o Islão. Está no seu direito. Como os islamitas têm todo o direito de fazerem comentários sobre o catolicismo. Mas o que se está a passar mostra como este mundo ocidental tem o que merece. Quando aceitam censurar desenhos sobre Maomé e se põem a carpir como virgens ofendidas quando os terroristas islâmicos e outros começam aos berros; quando justificam as barbáries, os bandidos, os massacres e o terrorismo islâmico; quando propõem o diálogo com bandidos que vivem na Idade Média e nada de nada trouxeram ao mundo há muitos séculos; quando tudo isto acontece e se vê tanta gente no mundo ocidental de cócoras e cheia de medo sempre que alguém exerce o seu direito a exprimir livremente opiniões, é caso para dizer que esta civilização de liberdade e direitos humanos está em perigo se ficar nas mãos da esquerda e de uma certa direita cobarde. Perante as ameaças, as manifestações, os gritos, o folclore, a única resposta é a firmeza na defesa dos nossos valores, como o da liberdade de expressão. Gostem ou não os senhores e senhoras que livremente são islamitas.

5 Comments:

Blogger Rui Geraldes said...

Coberto de razão.
Custa realmente a entender certas posições relativamente ao extremismo Islâmico.
Espero que quando o Ocidente acordar já não seja demasiado tarde...

2:28 da manhã  
Blogger asdrubal tudo bem said...

Uma coisa é o Papa poder fazer comentários, e condenar, o estremismo ilslâmico outra coisa é ele ler um texto que diz claramente, embora por outras palavras, que o profeta Maomé não passa de um terrorista.

10:23 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Ó Sr "tudo bem" :
O Papa - e no âmbito de um colóquio universitário para entendidos em Teologia - citou um Imperador bizantino. Citou.
Não sabemos o que é citar ?

2:50 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

o sr. "jornalista" ainda continua a dar pontapés na gramática?

12:39 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

...além de escrever mal, claro!

12:40 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home